Total de visualizações de página

domingo, 14 de janeiro de 2018

Ipê Globo Rural

Edição do dia 14/01/2018 Ipê tem presença marcante na paisagem e na cultura do Brasil Com flores coloridas e madeira versátil, o ipê vive em ambientes variados - do cerrado à Amazônia, Pantanal à Mata Atlântica. Já até propuseram que o ipê seja a flor nacional, sendo que o pau-brasil é a árvore nacional. O projeto que trata do assunto se arrasta há décadas, em Brasília. O ipê já flor símbolo nacional em El Salvador, Equador, Venezuela e Paraguai. Ele tinge a paisagem do México até a Patagônia . Ao todo, são cem espécies esparramadas pelas Américas. No litoral sul de São Paulo e Paraná cresce o ipê conhecido como pau de viola, de onde vem o som do fandango, um ritmo caiçara. A madeira é usada em lápis, um tamanco, uma colher de pau, brinquedos, feitos com a madeira largamente aproveitada em caixotaria, por isso conhecida também como caxeta. Releia a reportagem completa. http://g1.globo.com/economia/agronegocios/globo-rural/noticia/2018/01/ipe-tem-presenca-marcante-na-paisagem-e-na-cultura-do-brasil.html

domingo, 7 de janeiro de 2018

Plantio mudas 159,160 e 161

(05/01/2018) foi dia do casal Tania Krueger (Julio), recomporem as mudas 159, 160 e 161, Ipês amarelos, que haviam plantado, em 31/05/2015 e que sofreram danos na enchente ! Com a ajuda de José Geraldo Reis Pfau, recompomos os 3 exemplares !

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Muda 172

IPÊ AMARELO - Muda plantada pelos navegadores suecos Pia e Ulf Olsson, com o nome de Muda Clary, em homenagem ao Barco Clary, veleiro de 31 pés. O barco adquirido há 11 anos, hoje está com 51 anos. O nome Clary, homenageia uma senhora cuidadora de uma criança com paralisia cerebral, filha do primeiro proprietário do barco que era médico na Suécia. A muda foi plantada completando um triângulo com as mudas plantadas por Bjoern e Margareta Merseburg, também navegadores suecos que estiveram aqui em 2010 e plantaram suas mudas. Todos são amigos em comum na Suécia. Muda Clary foi plantada dia 10/12/2017 as 19:45 horas.

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Nossas mudas no Japão.

DIÁRIO DE KIRISHIMA AZALEA - QUINTA-FEIRA, 19 DE OUTUBRO DE 2017 Situação de crescimento de Ipe Palmasola e Ipe São Joaquim É um estado de 19 de outubro de 2017. Cerca de metade dos 87 livros Ipe Palmasola 87 e alguns em Ipe São Joaquim 193 livros foram obtidos. Ipe Palmasola continuará a acender, então tudo pode brotar. A seguir é um estado de crescimento do IPÊ Palmasola E Ipe São Joaquim No 19 de outubro de 2017. Aproximadamente metade dos 87 Pieces Of Ipe Palmasola E várias peças de 193 Pieces Of Ipe São Joaquim estão brotando. Brotamento vai continuar, Então eu acho que todo o Ipe Palmasola pode brotar. Bud e continuará, então eu acho que todo o Ipe Palmasola pode buds. (http://kirishiman.blogspot.com.br/2017/10/palmasola.html ) ----------------------------------------- ADILSON TADEU MACHADO no facebook Sr Hisanori Maeda, Engenheiro Aposentado, reside em Kagoshima - Japão. Província de Kirishima. Há quase dois anos, nos solicitou sementes de ipê, da localidade de São Joaquim SC. Ele já planta ipês há quase 40 anos no Japão. Trabalhou nas Usinas de Volta Redonda, no Brasil, década de 70, quando se apaixonou pela beleza das flores da árvore. Estudioso e cientista, ligado a Universidade de Kirishima, localizou nosso Projeto Cores do Ipê em Blumenau e nos solicitou a possibilidade do envio de sementes de São Joaquim SC. Cidade que reúne condições meteorológicas próximas das condições de Kirishima. Sementes foram colhidas, catalogadas de 7 exemplares diferentes, num trabalho espetacular de Sebastião Alex Waltrick, técnico agrícola de São Joaquim ! Tratadas e enviadas que tem tido nestes dois anos, um crescimento exuberante. Esta foto recebemos hoje, com mudas já atingindo 4 metros. Maravilha e ficamos honrados!

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

quinta-feira, 7 de setembro de 2017